Se eu fosse o tempo, julgaria com rugas apressadas quem inventou o relógio.
Se eu fosse o tempo, pararia para uma soneca sem hora de acordar.
Se eu fosse o tempo, quebraria todos os ponteiros e jogaria, nas praias, todas as pequenas quantidades de areia das ampulhetas.
Se eu fosse o tempo, o presente não seria um fresco passado.

Prender o grandioso tempo em um relógio, por zeus!
Não há prisão que segure o que é tão mutável.
Presente, futuro, passado. Passado, presente, futuro,
Qual deles é o tempo de fato?

Se eu fosse o tempo, mudaria o tempo do mundo.
Também processaria quem diz que ele cura tudo.
Oras bolas! O tempo não é um placebo,
Tampouco é encontrado nas falácias dos farmacêuticos.

Se eu fosse o tempo, acabaria com tudo.
A saudade seria futuro e o passado um báu escuro.
Aposentados ganhariam mais vida em um embrulho.
Se eu fosse o tempo.

Por Henrique Guedes

Anúncios